Brasil Notícia Polícia

Mistério: Família procura por idosa de 82 anos desaparecida a mais de um ano

Já são um ano e seis meses desde que dona Nelsina desapareceu. Aos 82 anos de idade, a idosa sumiu na madrugada do dia 3 de fevereiro de 2019. Tanto tempo depois, as investigações continuam, e a família pede ajuda para divulgar o caso e tentar conseguir qualquer informação sobre o que possa ter acontecido com ela.

Nelsina Gregório da Silva vivia na cidade de Naque, a 65 km de Governador Valadares. Ela morava com o marido, o senhor Antônio Edson Rosa, de 76 anos, com quem é casada há mais de 30 anos. Seu Antônio conta que foi dormir normalmente na noite de sexta-feira e, ao acordar, não encontrou a mulher em casa. Foi aí que começou o desespero de uma história que já dura 1 ano e 6 meses

Família não acredita que idosa tenha fugido

Dona Nelsina e o senhor Antônio haviam se mudado para Naque há três meses, quando ela desapareceu. Antes disso, os dois moravam na cidade de Açucena. Eles se mudaram para ficar perto do filho do senhor Antônio, Paulo Rosa, e da nora Beatriz. Isso porque os dois haviam sido diagnosticados com Alzheimer, e precisavam de cuidados especiais.

Este é um dos motivos pelos quais Paulo e Beatriz não acreditam que dona Nelsina tenha fugido. Por causa da doença dos dois, o portão da casa só ficava trancado, e os únicos que tinham a chave eram Paulo e a cuidadora dos dois idosos. Na noite do desaparecimento, Paulo havia visitado o pai e a madrasta, e deixou o portão trancado.

As portas da casa também estavam trancadas por dentro, como de costume. A única janela aberta era a do quarto do casal, que é muito alta para que dona Nelsina conseguisse sair sozinha. Além do Alzheimer, ela também tinha um problema no joelho que dificultava sua mobilidade. Paulo e Beatriz afirmam, com certeza, que dona Nelsina não teria condições físicas de sair pela janela, a não ser que fosse ajudada por alguém.

Onde está dona Nelsina?

Para ajudar a colher informações que possam ajudar a localizar a idosa, a família criou uma página no Facebook com o nome “Onde está dona Nelsina?”. A página é atualizada constantemente com lembranças sobre ela e pedidos de ajuda. Quem recebe os contatos é a Beatriz.

“No começo tivemos algumas pistas em Valadares, Ipatinga, Belo Oriente. Nós fomos até lá verificar pessoalmente, pra ver se era aquilo mesmo que tinham falado, mas não era. Falaram que estava no asilo, a gente foi, mas, infelizmente, foi sem sucesso; foram só pistas falsas. De um tempo pra cá encerrou, ninguém fala mais nada, mas a gente não desiste das buscas”, conta Beatriz.

A família deixa um apelo para quem puder ajudar: “Olha, o que mais queremos é encontrar ou ter notícias de dona Nelsina. Todos sentimos a falta dela, inclusive meu sogro. Pedimos que onde ela estiver ou com quem estiver, que devolva ela pra nós. Porque ela precisa de cuidados de saúde”.

ASSISTA O VÍDEO:

Romilson Diamante também entrou nesta luta, COMPARTILHE o máximo está reportagem e ajude a encontrar Dona Nelsina!

Sobre o Autor

Romilson Diamante

Blog feito de tudo um pouco, para agradar a muitos. Meu principal objetivo é ajudar pessoas, levando a melhor informação, uma palavra de conforto, de ânimo, de inspiração...
Minha maior Conquista é a minha satisfação.
"De que serve ao homem conquistar o mundo inteiro se perder a alma?"
@RomilsonDiamante

Adcione um Comentário

Publique um comentário

Instagram

Invalid OAuth access token.

Video

Como Você Está Enfrentando a Quarentena em casa?
Mande seu vídeo para nós!
Segue-nos no Youtube

Classificados

Parceiros

Romilson Diamante

Blog feito de tudo um pouco, para agradar a...

Siga-nos:

Descubra um pouco de nós nas Redes Sociais.

RomilsonDiamante.com

O Blog Romilson Diamante visa colaborar com a informação, divulgação e publicidade. Busca se dedicar a ajudar pessoas.